Bayard Demaria Boiteux (1916 - 2004)

NA ESCOLA, TAL COMO NO MUNDO, TODOS SOMOS PROFESSORES E TODOS SOMOS ALUNOS.
(Faculdade Economia Porto)

sexta-feira, dezembro 27, 2013

Aceleras Domingueiros de Natal

Montalegre, dia 25 de Dezembro, pelas 14horas começou a nevar com bastante intensidade:
Arrumar a trouxa, porque a jorna previa-se complicada, principalmente na subida da Corujeira, para depois apanhar a N 103, direção Chaves (a alternativa por Vilar Perdizes costuma ser pouco atraente)

 No percurso da A 24, entre Chaves e Vila Real, o trânsito tornou-se um caos;
Que bonito..., a neve cair e que doçura parar o veículo para tirar fotos;

Quase entupiam as faixas de rodagem, para os que sabiam que conduzir com condições adversas era um perigo, principalmente se não tivessem correntes ou fossem a gasóleo ou tivessem jantes/pneus largos

Depois, viram-se gregos, para recomeçar a marcha e alguns tentaram fazer números de circo, que resultaram em beijarem as bermas:
1.º Colocar o automóvel, em andamento, com a 1.ª (um absurdo);
2.º Fazer marçha à ré, para depois apoveitando o balanço de uma pequena descida obterem o movimento cinético suficiente, para subirem a próxima rampa (guiar num piso com os rodados a patinar exige alguns cuidados e estes condutores domingueiros deviam ter obtido experência por correspondência) teve como resultado o facto de as viaturas dançarem e ficarem atravessadas na estrada (opções disparatadas);

Os reboques tiveram o euromilhões natalício



























segunda-feira, dezembro 23, 2013

Peculato Natalício à moda da Optimus - 2

Uma utente da rede Optimus, em fase terminal de vida, doença oncológica secundária, recebeu um telemóvel, com o chamado tarifário Livre (sem carregamentos obrigatórios), para quando sentir necessidade de ajuda ou quando alguém lhe telefonar.
Mas, a Optimus, subrepticiamente, sem a utente fazer qualquer chamada, vai retirando 0,04 cêntimos, ao saldo inicial.
Este estranho tarifário deverá servir para ajudar o Governo a equilibrar as contas públicas das grandes empresas privadas?

sexta-feira, dezembro 20, 2013

BlackMail Natalício da Optimus - 1

Um utente da rede optimus, encontra-se em Vigo, para passar as festas natalícias e de repente tem de se deslocar a Valença, para proceder a um recarregamento do telemóvel: fim prazo validade de utilização, porque senão ficará sem o dinheiro, de carregamentos anteriores, não utilizado.

Mensagem da Optimus:
Para voltar a falar é necessário carregar o cartão. A partir de amanhã continuará a receber chamadas com um custo de 50 cêntimos por dia até efetuar um carregamento.

Remetente: centro de mensagens: 93121314...

segunda-feira, dezembro 16, 2013

Os Novos Kapos para a PACC...?

Alguns dos contratados, que lecionam em Braga (5), que ficaram de fora do exame; em alguns dos casos por dias de tempo de serviço, parece que estão com vontade de serem vigilantes.
Greve? O dinheiro faz falta, para quem ganha tão pouco...
Os professores mais antigos, os dos quadros (?) é que podem arcar com com as perdas no vencimento, porque já ganham mais e trabalham menos que nós os contratados...

Na realidade, a contestação dos contratados, não reside em valores e em princípios, mas por questões de natureza mais pessoal, no salve-se quem puder...

Desta forma, é impossível encontrar unidade na ação, quando há pessoas que parecem contestar Nuno Crato, mas são capazes de votar nele, em futuras eleições, por Deus e pela Pátria.

quinta-feira, dezembro 12, 2013

O Abestunto Mugabe Crato de Esporões na ESAS…




O abano de esporões, no conselho geral da AE Alberto Sampaio, algo abascado, teve uma intervenção ao estilo típico do vernáculo típico e folclórico, puro e duro, do PS profundo e quiçá com a bênção do PSD do Rio deste burgo, de fazer inveja a qualquer linguístico opositor do N. A. O., como MST; tentou acanavear, de uma forma bastante acebada, com o rigor da pisa de zigotes cognitivos paralíticos e já com aibro de relha de alamões.
Alguns dos presentes detectaram vapores de H2O tinto muito rasca…, um pouco achabocado, meio adruvio e que parecia um pouco afergulhado, talvez com intenções de alancar, para, quiçá fazer uma fisioterapia das suas agarradouros albofarras.
Por outro lado, também uma algarismeira da EB2/3, com pechonha alicantineira, queria figurar no nível dos aloilados, de forma a por em realce as suas amojas
Toda esta almoenga, entre os serenos, e os alonsos do chefe, derivou para uma situação de alvanhal e com intuitos de amassucar.

segunda-feira, dezembro 09, 2013

Tentativa de Golpe de Estado no Agrupamento de escolas de Alberto Sampaio de Braga...

Parece uma ironia do destino, que 39 anos do 25 de Abril, ainda haja pessoal, com vícios do Estado Caduco.
O democrático socialista, apoiante e membro da comissão de honra do candidato do PS à CMB, o presidente da comissão administrativa provisória, tem patrocionado, diversas ações, para que possa um dia ser nomeado diretor do Agrupamento de Escolas de Alberto Sampaio (???).

Com a Cumpliciodade ativa do Presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio e com a eventual anuência do Ministro da  Educação (?), Nuno Crato, o presidente do agrupamento,  tudo tem feito para ganhar o direito ao Tacho.
Segundo as más línguas, do burgo, o corpo de intervenção já se encontra de plantão tal como o regimento de cavalaria, não para reporem a legalidade, mas para evitar que as ilegalidades sejam postas em causa.

Dos 7 professores com assento no Conselho Geral Transitório, a lista que o apoia, só teve direito a 1 lugar; do pessoal não docente, também só leva mais 1 apoiante e a oposição ficou com o outro voto; da parte dos alunos, recebeu 0/1 votos; dos representantes dos papás, talvez consiga obter 3/4 fãs; dos 3 lugares indicados pela autarquia, a adjunta, fã do actual edil, conseguiu arranjar os aliados adequados.

Mas, o problema reside no facto de a designação do diretor depender de maioria absoluta de votos (11 votos em 21) e o nosso Heil se encontrar à beira da vitória ou do abismo.
Desta forma, o presidente da comissão administrativa provisória, decidiu à revelia (quiçá com a demissão compulsiva) do actual Coordenador (inerência regulamentar) do processo do Conselho Geral Transitório, convocar os actuais detentores do assento, no referido órgão, para uma reunião ilegal, de forma a pressioná-los, na concordância dos elementos a serem convidados enquanto elementos cooptados e que sabe lhe serem fiéis.

Assim, o presidente da comissão administrativa provisória do Agrupamento de Escolas Alberto Sampaio, pretende também ser presidente do Conselho Geral do respetivo agrupamento de Escolas Alberto Sampaio, de forma a ser designado Diretor do Agrupamento de Escolas Alberto Sampaio.
E se o Presidente da República decidir demitir o Presidente da Comissão Europeia e acumular as duas funções, estaremos perante um acto legal ou ilegal?

O presidente da comissão administrativa provisória terá, hoje, em princípio, apenas 9 votos no Conselho Geral Transitório, dos 18 já incorporados e necessita de mais dois, como por exemplo, o da Associação de jogadores de Berlindes de Nogueira, o da Associação dos Amigos da freguesia de Nogueira, o da Associação dos amigos da EB2/3 de Nogueira, et., etc.

Os heróis democráticos do actual presidente da comissão administrativa provisória, não incluirão Mário Soares ou Nelson Mandela, mas talvez o Robert Mugabe do Zimbabwe, o Viktor Yanukovytch da Ucrânia ou  o Alexander Lukashenko da Bielorússia, etc.

terça-feira, dezembro 03, 2013

Agrupamento Escolas das Aldeias dos Macacos: Manifesto Eleitoral...

Tendo em conta, os  imperativos desígnios da pátria, perante as grilhetas da troika impostas à independência da globalização, vimos por esta via, declarar publicamente, como nossa intenção, candidatarmo-nos à direção inversa do Agrupamento de Escolas dos Bairros das Aldeias dos Macacos, na cidade de Braga e de Nogales...
Se for designado Diretor, pelos apátridas do Conselho Geral Transitório, em Maio de 2014, prometo:
1º - Oferecer a droga de um café a todos os professores/dia
2º - Oferecer a droga de meio café a todos os funcionários/semana
3º - Oferecer a droga do resquício de meio café a todos os alunos/mês
4º - Oferecer aos professores sumos de laranja natural doce, compradas à Braval e vender sumos de laranja amarga provenientes da Lipor, para os alunos; os elementos da direção e afins, para evitar a cólera, enchiam o bandulho, com resquícios das podres de Amareleja...
5º - Oferecer, comes e bebes, no Bar e na Cantina, gratuitamente, a todos os elementos da direção e como extensão semântica alargar, tal benesse às legítimas e às namoradas e respetivos descendentes, conhecidos e desconhecidos. 
6º - Fotocópias gratuitas, mas limitadas (1 por dia), a todo o pessoal e ilimitadas a todos os elementos da direção e igualmente como extensão semântica alargar, tal benesse às legítimas e às namoradas e respetivos descendentes, conhecidos e desconhecidos. 
7º - Aproveitar o Hall de entrada da escola de Braga de do Souto e da escola principal do souto e  construir um parque de estacionamento subterrâneo e com capacidade para 200 + 200 lugares gratuitos (para não ser acusado de discriminatório, não serão dados lugares de estacionamento só para professoras).
8º. - Impor aulas só de alunos adolescentes meninos e aulas só de alunas adolescentes mulheres.
9º - Meter todos os alunos, dentro da sala de Rádio, fechar a porta à chave e deitá-la para o lixo, e colocar os phones nas alturas, mas sem acesso à EDP.
Repartir as receitas da papelaria/fotocopiadora, com todos os professores acionistas, numa de capitalismo popular.
Se faltar massa, a braguesa loira das finanças que pague os engodos...